Estrutura dos livros do AT conforme o cânon hebreu

I – A LEI – TORÁ

A) GÊNESIS. O começo. Ação da palavra de Deus (Gn 1.3). Israel como família (Gn 15.1).

B) ÊXODO. História. Surgimento de Israel como nação de famílias e tribos. Conhecidos como hebreus devido a seu idioma.

C) LEVITICO. Adoração. Jeová é o Deus de Israel e vive no meio do seu povo. Israel é o povo de Deus.

B) NÚMERO. História. Israel é “agora” nação, o ovo é contado e abençoado (Nm 23-24).

A) DEUTERONÔMIO. O fim. Tudo depende da palavra de Jeová. Israel é levado à terra.

II – OS PROFETAS (Nebi´im).

A) JOSUÉ. “Senhor de toda terra” dá posse ao povo na terra. Israel é governado pelos sacerdotes.

B) JUÍZES. Israel esquece do Senhor e para ele sempre retorna. Perdendo e recuperando a posse da terra. “Não havia rei”. Belém. Fracasso sob o reino sacerdotal.

C) SAMUEL . O rei dos homens é rejeitado. O rei de Deus (Davi) estabelecido.

D) REIS. Declínio e queda pelos reis.

D) ISAÍAS. Bênção final sob o Rei divino.

C) JEREMIAS. Reis humanos rejeitados. O tronco de Davi será erguido.

B) EZEQUIEL. Deus se esquece de Israel, e depois retorna em glória para sua cidade. “Jeová-shamá”.

A) PROFETAS MENORES. “O Senhor de toda terra” restaurando a posse da terra e predizendo um final glorioso.

III – OS SALMOS (Kethubim, Escritos).

A) SALMOS. (Tehillim). “louvores”. O propósito divino e os conselhos sobre sua obra futura.

B) PROVÉRBIOS. Isto é, regras. “Palavras que governam ou regem o ser humano”. O governo moral de Deus entra em vigência.

C) JÓ. “A vitória do Senhor vista na derrota de Satanás, e na libertação dos santos das tribulações”.

D) CANTARES. Recompensas à virtude. É lida pelos judeus na páscoa, a festa que celebra a libertação das mãos de Faraó o opressor dos judeus.

E) RUTE. O estrangeiro é acolhido para ouvir da bondade do Senhor na Redenção. É lido na festa do Pentecostes que celebra as benesses do Senhor na terra.

F) LAMENTAÇÕES. “Ai”. O registro das lamentações do povo. É lido na festa do nono mês em Abib.

E) ECLESIASTES. “O pregador”. O povo se reúne para ouvir sobre a vida passageira do homem. É lido na festa dos tabernáculos, que celebra a bondade de Deus no deserto.

D) ESTER. Recompensas à virtude. Lida na festa de Purim que celebra a libertação das mãos de Hamã, o inimigo do povo de Deus.

C) DANIEL. “Juízo divino”. Aqui é mostrado a derrota final do anticristo e a libertação da “grande tribulação”.

B) ESDRAS-NEEMIAS. Homens que regeram sobre o povo de Deus no retorno à terra.

C) CRÔNICAS. Dibrey Hayyamim – “Palavras dos dias”. Ou a preocupação divina com o passado de Israel e até o fim dos tempos.

About Pr. João de Souza

Pastor, escritor, historiador e pesquisador bíblico

View all posts by Pr. João de Souza →

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*